Contacte-me
Email: Este endereço de email está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email Telemóvel: +351 915 244 747
Livros & eBooks
"Era uma Vez um Hambúrguer"
Receitas saudáveis, destinadas a criar momentos de magia entre as mães e os filhos.
Ler Entrevista
"Pela sua Saúde!"
Um guia com alimentos crus para rejuvenescer e emagrecer. Reflexões e sugestões.
Ler Entrevista
"Ho'oponopono"
O que é o "Ho'oponopono"? Aprenda este mantra e os seus principios através deste eBook.
Fazer Download
"Limite Zero"
Como purificar pensamentos e ações negativas, deixando a mente livre para que a Lei da Atração possa conspirar a favor do ser humano.
Fazer Download
Vegetariano, ser ou não ser?
25 / 03 / 2008

Image

Este é um tema controverso da actualidade. Haverá sempre vozes a favor e contra, mas o que se impõe nesta decisão é a consciência individual e a própria experiência.

As vozes discordantes do vegetarianismo ainda não chegaram a uma consciência profunda sobre o valor da própria vida e saúde, o direito á vida dos animais, o respeito com todos os seres vivos e inclusivamente os beneficios que o vegetarianismo traz para o próprio planeta ajudando a diminuir o aquecimento global da Terra.

Se não existir esta sensibilidade e compreeensão na nossa alma, andamos a debater-nos num mar de prós e contras perdendo o ponto essencial da questão.

Ser vegetariano implica uma mudança na consciência, no pensamento, na atitude e como tal ninguém muda da noite para o dia a não ser que esteja perante uma situação muito grave de saúde.

Para alguns ser vegetariano pode ser uma moda, mas quando assim é passa rápidamente, tal como um estilo de roupa que muda de estação.

Devemos olhar com consciência para as nossas escolhas e analisar as implicações das mesmas em todos os aspectos da vida.

Gostaria de deixar alguns aspectos para análise do leitor relativamente á alimentação vegetariana. Em 1º lugar, as nossas escolhas individuais têm impacto em todos os niveis da vida.

Uma alimentação vegetariana predispõe para uma vida mais saudável:

  • reduz o risco e previne o cancro do colón, da mama, da próstatareduz o risco de problemas cardiovasculares e arteriosclerose
  • reduz o risco de diabetes, hipertensão, colesterol elevado
  • evita excesso de ureia e ácido úrico
  • fortalece o sistema imunitário
  • previne do envelhecimento precoce

ImageÉ claro que não basta fazer uma alimentação vegetariana, mas ter um estilo de vida adequado com exercicío moderado, abstinência de alcool, café, tabaco, ter repouso suficiente e pensamentos e atitudes positivas perante a vida.

Quando a pessoa tem saúde, naturalmente tem mais alegria e vontade de trabalhar, dando assim um contributo positivo para a sociedade. Além disso ao termos uma atitude consciente, responsável e positiva perante a nossa saúde, contribuimos para o bem estar e felicidade de toda a familia. Quando alguém está doente, não é apenas o individuo a sofrer, isto representa dor emocional para toda a familia, custos com as despesas médicas, baixa do rendimento familiar, dificuldades para as empresas e reflectindo-se também em toda a nação.

A única coisa que é a nossa responsabilidade é fazer a melhor escolha.

O consumo excessivo de carne tem contribuido para o aquecimento global e para a destruição do nosso planeta. Destroem-se milhares de hectares de florestas para criar zonas de pasto para gado e cultivo de alimentos para os mesmos. Consequentemente verifica-se aumento da poluição da água e do ar. Muitas espécies de animais também estão a desaparecer por se destruirem os seus habitats naturais.

É a escolha individual de cada um que permite que isto aconteça. O acto impiedoso do carniceiro começa com o desejo do consumidor.

Precisámos de repensar o nosso modo de estar no mundo.

O Planeta Terra é o nosso lar e o corpo de cada ser humano é um templo divino a ser respeitado e amado.

Desejo-vos escolhas conscientes e felizes em cada dia.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >